O COMEÇO DA VIDA 2: LÁ FORA

2020
MANIFESTO

O que é natureza para você?

Muitos esquecem que nós também pertencemos a esse mesmo organismo que abriga as plantas, os animais, os rios. O nascimento de uma criança, por exemplo, é uma das grandes manifestações da natureza. E o brincar em contato com pedaços de folhas ou um punhado de terra secreta uma das relações mais primitivas do ser humano.

No entanto, o processo de urbanização que experienciamos insiste em nos separar do mundo lá fora e o desmatamento das florestas continua a ceifar o futuro das nossas próximas gerações.

A chegada da pandemia COVID-19 evidenciou ainda mais as consequências da privação ao ar livre na vida das crianças – sejam elas físicas ou psicológicas – mas trouxe a urgência em reconstruir o imaginário do que é viver para além dos muros de uma forma mais saudável e integrada com o planeta.

“Garantir o direito das crianças ao contato direto e cotidiano com a natureza é um desafio sistêmico que demanda uma mudança de paradigma”

A MARANHA foi convidada pelo INSTITUTO ALANA e MARIA FARINHA FILMES, para produzir o vídeo-manifesto que foi parte do lançamento do filme “O Começo da Vida 2: Lá Fora”, que teve estréia em 190 países por meio das principais plataformas de streaming – inclusive a Netflix.

Crianças mais amadas serão adultos com mais capacidade de amar e conviver

Somos parte do todo.

Embora a gente possa se esquecer vez em quando, essa noção elementar evidencia como cada um de nós está conectado genuinamente com o meio, interagindo e se impactando mutuamente.

O filme “O Começo da Vida 2: Lá Fora” explora essa relação íntima entre as crianças e a natureza para fazer um alerta: é urgente cuidar do planeta e da infância. Agora, não depois.

Especialistas das áreas do meio ambiente e da infância apontam como viver para além dos muros e buscar uma reintegração saudável com o mundo natural faz parte da cura para os maiores desafios da humanidade (não, não é tarde demais!).

Além disso, famílias e crianças de diversas culturas (Brasil, México, Chile, Peru e Estados Unidos) compartilham suas experiências sobre a vivência e o amadurecimento em torno do meio ambiente. Esse olhar dedicado a múltiplas perspectivas, somando ciência e observações empíricas, mostra que a transformação coletiva ainda pode revolucionar o futuro, oferecendo melhores condições de vida, saúde e bem-estar para todos.

O FILME

Conexões genuínas entre as crianças e a natureza podem revolucionar o nosso futuro. Mas será que essa descoberta ainda é possível nos grandes centros urbanos do mundo?

Evidências científicas apontam que a falta de contato com a natureza pode contribuir para problemas físicos e mentais. No novo capítulo de “O Começo da Vida”, os principais especialistas no tema mostram como essa conexão pode fazer parte da cura para os maiores desafios da humanidade contemporânea e da construção de uma vida de mais bem-estar e felicidade.

O filme revela que esse pensamento tem sido transformador em diversas cidades pelo mundo que valorizam e promovem uma maior conexão com o mundo natural. A soma entre ciência e ação significam uma oportunidade única para um futuro com mais saúde para os humanos e para o planeta.

“O Começo da Vida 2: Lá Fora”, dirigido pela cineasta Renata Terra, lança luz ao  distanciamento da nossa sociedade com o mundo natural, mas também alerta que ainda há tempo de transformarmos nossa relação com a natureza.

“Pode ser muito pequeno plantar uma sementinha em casa, mas pode ter o mundo ali dentro”

CRÉDITOS

Direção
Lukas Doraciotto

Produção Executiva

Tiago Pereira

Roteiro
Ana Paula Anderson

Direção de Arte
Lukas Doraciotto

Montagem
Bruno Bertogna
Tiago Pereira

Animação
Bruno Bertogna

Locução
Gisele Bündchen

Trilha Sonora
Deryck Cabrera
Músicas do filme O Começo da Vida 2

Pós-produção de Som
Diego Depane

Desenho de som
Tiago Pereira

Fotografia
Imagens do filme O Começo da Vida 2

Produção | Cliente
Gut Simon

Cliente
Instituto Alana
Maria Farinha Filmes

Menu